Gramsci e os idiotas úteis

Não foi por acaso que Michel Foucault escreveu que Gramsci era um autor mais citado do que conhecido. Conheçamos, pois, o autor dos idiotas úteis, homem que deu um dos maiores contributos para aquilo que Hannah Arendt discernia tornar-se uma silenciosa conspiração com instrumentos totalitários…

Por uma educação verdadeiramente livre e plural

O ensino moderno impõe um pensamento único e não admite a livre troca de ideias, atropelando os alunos com velhos e ensebados resquícios de um Republicanismo confessional do ateísmo, anticlerical e positivista. Exige-se uma educação livre e plural, sem imposição de ideologias que impedem o homem de pensar por si.

Website Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: